Tarrafal: Crianças da Associação Delta Cultura participam em actividades sobre uso de águas residuais

deltatarrfal

Tarrafal, 30 Abr (Inforpress) - Mais de quarenta crianças da Associação Delta Cultura participaram hoje, na praça central do Tarrafal (Santiago), em várias actividades ligada à reutilização da água, no âmbito da implementação do projecto reutilização de águas residuais no concelho.

Segundo o coordenador do projecto, Juanito Furtado, a ideia é chegar à toda a população do Tarrafal para acções de sensibilização sobre o uso racional da água, bem como a importância da reutilização das águas residuais no concelho e ainda promover um convívio com crianças, levando-lhes informação sobre a água através de concurso de pinturas e de jogos.

Para Juanito Furtado, uma vez que a quantidade da água é reduzida, é preciso aproveitar o máximo toda a gota de água disponível.

"Queremos atingir todo o público-alvo e entendemos que através das crianças podemos atingir um leque maior de pessoas, uma vez que as crianças já estão a aprender sobre importância da água e a tomar consciência de que a água é um escasso recurso que temos", disse.

No âmbito do projecto "Uso Eficiente de Água e Reutilização de Águas Residuais para a Protecção Ambiental em Cabo Verde", financiando em 700 mil dólares pelo Fundo Global para o Ambiente, informou que estão na forja dois grandes projectos que vão ajudar na distribuição das águas tratadas da Estação de Tratamento de Aguas residuais.

"Uma das obras é equipar o nosso laboratório na Estação de tratamento de água residual para poderemos ter uma análise periódica das águas da ETAR que vai ser reutilizada na irrigação no colonato. Também, temos a ideia em fazer cerca de 500 de ligação a rede domiciliaria que passa pelas duas grandes zonas de Tarrafal, vila de chão bom e a cidade do Mangue", disse.

As crianças que participam do concurso de pintura mostraram através dos desenhos que água é um líquido importante para a vida das pessoas e da natureza, por isso aconselharam as pessoas a não gastarem a água sem necessidade e para reutilizarem a água.

Fonte:http://inforpress.publ.cv/